bannerrootday

Google exclui Brasil de competição que premiará descoberta de bugs

O Google prometeu pagar até 2,7 milhões de dólares em prêmios para quem demonstrar falhas no Chrome OS em computadores com processadores Intel e ARM. Mas as regras da competição Pwnium 4 excluem os participantes do Brasil.




Segundo reportagem do G1, não são só os brasileiros que ficarão de fora. Moradores de Quebec (Canadá) e da Itália, bem como de países que sofrem embargos americanos, como Síria, Irã, Sudão e Coreia do Norte, também estão excluídos.
A Pwnium 4 acontecerá durante a conferência de segurança CanSecWest, no Canadá. Cada demonstração de ataque poderá ser recompensada em até 150 mil dólares.
As brechas usadas para atacar o sistema precisam ser novas e exclusivas. O participante precisará informar todos os detalhes técnicos ao Google, o que inclui o código usado para explorar a falha.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cuidado com as redes gratuitas nos Jogos Olímpicos de 2016

CANAL NO TELEGRAM

SanDisk lança cartão microSD de 400 GB para celulares na MWC 2018