Lista tem alternativas ao Chrome para gastar menos bateria do notebook

Um erro no navegador Google Chrome, identificado pelo nome “system clock tick rate”, deixou os usuários em alerta quanto ao consumo de bateria de seus notebooks. O bug foi admitido pelo Google na semana passada e faz com que os processadores de PCs Windows trabalhem mais do que o normal, o que consome aproximadamente 25% a mais de energia e diminui a vida útil da sua última carga. 
O Google, no entanto, prometeu lançar em breve uma versão do navegador livre do erro. Preocupado com a vida útil de sua bateria? Então confira esta lista com diversas alternativas para navegar na web.

1) Mozilla Firefox - Desenvolvedor: Mozilla
O velho conhecido Mozilla Firefox permite a instalação de uma série de complementos ao gosto de cada usuário. É um software constantemente atualizado com as últimas tecnologias de encriptação, o que o torna bastante seguro. Completo, e ao mesmo tempo flexível, a Mozilla oferece uma experiência parecida com a do Chrome, principalmente após a reformulação do visual e melhoria de velocidade. 
Lançado na terça-feira (22), o Firefox 31 tem nova guia, pesquisa e suporte a arquivos PDF e OGG.
2) Safari - Desenvolvedor: Apple
Originalmente desenhado para Mac OS, o Safari expandiu seus horizontes trazendo consigo os pontos fortes das ferramentas da Apple: design e usabilidade. Algumas funcionalidades exclusivas facilitam a vida do usuário, como a “Lista de leitura”, para armazenar links que o usuário planeje ler mais tarde, e os “Top sites”, um recurso para visualizar rapidamente suas páginas favoritas de forma atualizada. 
3) Internet Explorer 11 - Desenvolvedor: Microsoft
Apesar da queda de popularidade do navegador da Microsoft nos últimos anos, vale a pena dar uma chance ao software a cada nova versão lançada. Na décima primeira, por exemplo, o IE investiu em velocidade, compatibilidade e desempenho. Ele está 30% mais rápido no carregamento de sites e bloqueia 99% de páginas com anúncios falsos com links para malware, segundo a NSS Labs. 
4) Opera - Desenvolvedor: Opera Software
Os diferencias deste navegador são as páginas “Speed Dial”, “Stash” e “Descobrir”. Na primeira, o usuário tem uma excelente visualização de seus favoritos e sites mais acessados, com a ajuda de um campo de busca. Na segunda, é possível encontrar capturas de telas feitas pelo usuário ao navegar pelos sites e, na terceira, o usuário pode filtrar e encontrar novos conteúdos de interesse. O navegador é baseado na tecnologia Google Chromium, e por isso pode utilizar aplicativos da Chrome Web Store. 
5) Comodo Dragon - Desenvolvedor: Comodo
Disponível apenas para Windows, o Comodo Dragon é uma opção de navegação segura na web. Se você usa a Internet para compras ou insere as senhas dos cartões repetidamente, esse navegador pode ser uma boa alternativa.  O programa conta com o "Modo Incógnito", desenvolvido para bloquear instantaneamente os cookies suspeitos. Desta forma, é muito difícil ver um programa malicioso ser instalado no seu computador de forma desapercebida. O navegador da Comodo Software também é baseado na tecnologia Google Chromium. 
6) Tor Browser - Desenvolvedor: Tor Project
O Tor é outra opção navegador recomendada para quem está preocupado com segurança na hora de navegar. De forma fácil e prática, é possível ativar um kit de navegação e segurança que faz com que o usuário navegue sem ser identificado ou rastreado, livre de malwares e sites que guardam registram.
7) PSafe Internet - Desenvolvedor: PSafe e Tecnologia
Seguindo a linha de navegadores desenvolvidos com foco na segurança, esse software bloqueia qualquer tipo de pop-up, anúncio, banner ou poluição visual. Além disso, conta com alguns recursos exclusivos pouco vistos em outras opções de navegadores: personalização de gestos do mouse e janela flutuante para vídeos, que pode ser deslocada para qualquer parte da tela no computador. 
8) Baidu Spark Browser - Desenvolvedor: Baidu
A promessa desse software chinês é ser leve e rápido. Logo na primeira página há atalhos para diversos sites populares, como FacebookTwitter e Wikipédia. Também é possível colocar novos atalhos e ler códigos QR. Outra função interessante é o Night/Bright, que diminui ou aumenta o brilho da tela das páginas visitadas de acordo com a preferência do usuário da máquina. 
Fonte: Tech tudo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ransomware de origem russa Spora chega ao Brasil e causa estragos

Intel anuncia nova tecnologia de armazenamento

Nintendo Switch já está sendo vendido no Brasil e o preço assusta