bannerrootday

Novo PC para jogos da Alienware parece coisa de outro mundo

Alienware Area-51


A Alienware, empresa especializada na criação de desktops de alto desempenho para jogos, revelou um novo produto que desafia o conceito existente de computadores, com as torres tradicionais em forma de paralelepípedo. O novo desktop da empresa, que aproveita a marca Area-51, utiliza o formato triangular-hexagonal para tentar mudar esta ideia.

A intenção é acabar com o problema causado pelo desktop embaixo da mesa, o que gera todo tipo de desconforto, principalmente na hora de mexer em algum cabo na parte de trás da máquina. E para isso, era necessário repensar o design, que acabou se concretizando no produto que você vê acima.

O computador, de 55 centímetros de altura, permite acesso facilitado a todos os conectores, como as portas USB e entradas de fones de ouvido, na parte da frente. Além disso, o acesso à parte traseira também é facilitado, porque basta apoiar o computador em uma das pontas do triângulo para conectar algum cabo na parte traseira. LEDs na parte traseira também ajudam a ver o que o usuário faz com os cabos.

Outra vantagem é o problema comum dos desktops ficarem encostados na parede, bloqueando a exaustão e causando superaquecimento. Com o design triangular é impossível bloquear a saída de ar, facilitando a refrigeração.

Mas, apesar do design mirabolante, o Area-51 ainda é um computador para jogos e não nega espaço para quem precisa de alto desempenho, com painéis laterais removíveis para dar liberdade a quem quiser mexer no interior. O Gizmodo diz que teve acesso a uma configuração específica que colocava três placas de vídeo NVidia GeForce GTX 780 rodando Assassin’s Creed 4: Black Flag em 45 quadros por segundo na resolução 4K. Ou seja: espaço útil para componentes de alto desempenho não é problema.

A máquina tem suporte a processadores de seis e oito núcleos da Intel, da geração Haswell-E, com slots para até 32 GB de memória RAM DDR4 e espaço para até três HDs e mais dois SSDs. As configurações são alteráveis de acordo com a vontade do usuário.

A empresa, no entanto, ainda não fala em preço do aparelho, mas é fácil especular de que se trata de um produto na casa dos milhares de dólares, o que pode resultar em um valor que supere a casa das dezenas de milhares de reais. As vendas começam nos EUA em outubro e globalmente no fim do ano.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aprenda mais sobre segurança da Informação no evento Worksec

CANAL NO TELEGRAM

SanDisk lança cartão microSD de 400 GB para celulares na MWC 2018