Mais recente algoritmo de compressão de dados do Google está chegando ao Chrome



A Google não é mais uma startup do Vale do Silício, mas segue com a intenção de criar algoritmos de compressão como o fictício "Pied Piper". A gigante das buscas está prestes agora a libertar o seu mais recente algoritmo, batizado de "Brotli," para o navegador Chrome. A equipe compressão de software havia revelado pela primeira vez o algoritmo em setembro, dizendo que era de 20 a 26 por cento mais eficiente do que Zopfli, um algoritmo foi lançado apenas três anos antes. A Google diz que Brotli é um "formato novo de dados" que suporta mais dados do que outros formatos de compressão e a descompactar a velocidades similares.

Como resultado, "o tamanho compactado menor permite uma melhor utilização de espaço e as páginas carregam mais rápido," de acordo com a equipe. A única desvantagem é que espremer os dados é um processo lento, mas os desenvolvedores geralmente fazem isso com os elementos estáticos antes do tempo. A Google ainda acrescentou que, ele "daria benefícios adicionais para os usuários móveis, tais como baixas taxas de transferência de dados e reduzir o uso de bateria", e que seria particularmente útil para a compressão da fonte web. 

A Google diz que é provável que apareça já na próxima versão do Chrome.

Fonte: Engadget

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ransomware de origem russa Spora chega ao Brasil e causa estragos

Intel anuncia nova tecnologia de armazenamento

Nintendo Switch já está sendo vendido no Brasil e o preço assusta