Microsoft corrige falhas de segurança no Windows, Office, IE e Edge



A Microsoft corrigiu 39 vulnerabilidades em vários componentes do Windows, Internet Explorer, Edge, Office e .NET Framework, muitas das quais permitem execução de código remota.

As solução estão agrupadas em 13 boletins de segurança, sendo que cinco deles são classificados como “críticos” – o restante aparece como “importante”. 

De acordo com pesquisadores da empresa de segurança Qualys, os administradores de sistemas devem priorizar o boletim MS16-023 para o Internet Explorer, que cobre 13 vulnerabilidades críticas que podem ser exploradas pela web para tomar controle completo dos computadores.

Os usuários do Windows 10 que preferem usar o Edge em vez do IE devem priorizar o MS16-024, que cobre 11 vulnerabilidades do novo navegador da Microsoft, das quais 10 são críticas.

Em seguida, na lista de prioridades da Qualys, aparece o boletim MS16-029, ligado ao Office. O boletim é classificado como importante (e não crítico), mas cobre vulnerabilidades que podem resultar na execução remota de código. 

Os boletins seguintes da lista devem ser MS16-027, MS16-026 e MS16-028, que cobrem vulnerabilidades críticas dos componentes do Windows.

Fonte: IDGnow

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ransomware de origem russa Spora chega ao Brasil e causa estragos

Intel anuncia nova tecnologia de armazenamento

Nintendo Switch já está sendo vendido no Brasil e o preço assusta