bannerrootday

Rússia multa Google em US$ 6,75 milhões por apps pré-instalados no Android




A FSA, autoridade reguladora de mercado russa, multou o Google em US$ 6,75 milhões por práticas anticompetitivas. O motivo da multa foi o fato de a empresa pré-instalar seus aplicativos em smartphones com sistema operacional Android, o que, segundo a FSA, lhe dá uma vantagem competitiva injusta.

O processo contra o Google na Russia foi aberto pela Yandex, uma empresa de buscas do país. De acordo com o The Verge, a Yandex já domina cerca de 60% do mercado de buscas na Russia. Ainda assim, ela se preocupa com a possibilidade de que a pré-instalação dos apps do Google em smartphones Android lhe deixe em desvantagem entre os usuários de dispositivos móveis.


Pode piorar muito

Conforme o Recode aponta, o valor da multa é menor do que o Google ganha em uma hora, em média. Esse valor, porém, não é o aspecto central da condenação. Em outros países da Europa, o Google também enfrenta denúncias semelhantes de práticas anticompetitivas pelo mesmo motivo. A decisão da autoridade russa pode acabar embasando outras decisões semelhantes.

Uma investigação antitruste realizada pela União Europeia está analisando se a pré-instalação de apps do Google em smartphones Android constitui prática anticompetitiva. Caso a investigação considere que sim, a empresa pode ter que enfrentar uma multa de até US$ 7,5 bilhões.

Paralelamente, a empresa ainda pode ter que pagar uma multa de US$ 3,39 bilhões por promover os seus próprios resultados de pesquisa de compras sobre o de outros serviços concorrentes. Na França, além disso, o Google já foi multado por violações no "direito ao esquecimento", que colocou a empresa em um impasse naquele mercado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aprenda mais sobre segurança da Informação no evento Worksec

CANAL NO TELEGRAM

SanDisk lança cartão microSD de 400 GB para celulares na MWC 2018